Sexta-feira, 8 de Abril de 2005

Uma romântica á beira de um abismo...


Aconteça o que acontecer


 



Aconteça o que acontecer


Eu para sempre te amarei,


Nunca de ti me irei esquecer,


E por ti, toda a vida esperarei,


Pois para mim és aquele com quem quero ficar


O resto da vida, até ao fim da minha vida,


Nunca voltarei deste modo a amar


E irei sempre vaguear pelo mundo meio perdida,


Nunca serás um a mais na caixa das recordações


Pois ficarás sempre guardado no meu coração,


Por todas as coisas que passámos, todas as situações


As lembranças de nós dois nunca desaparecerão…


Aconteça o que acontecer, nunca serás esquecido,


Por mim, para toda a eternidade serás amado,


Em mim terás sempre um porto de abrigo


Para quando te sentires só ou desamparado,


Estarei sempre aqui esperando por ti,


Até a minha vida se desvanecer,


Pois contigo conheci coisas que nunca antes conheci,


E vi coisas que sem ti nunca voltarei a ver,


O meu coração viverá só na ância de viver ao lado do teu novamente,


Se tudo isto acabar, não tendo outra solução,


Sei com toda a certeza, que te irei amar eternamente,


Pois tu, e só tu, és para o meu viver a razão…


 

publicado por anafilipaafonso às 20:31
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

.Julho 2005

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ...

. Uma Noite Para Comemorar

. Adeus...

. Adeus, nunca te esquecere...

. Esta maldita dor...

. Porque é a vida assim?...

. Sinto tanto a tua falta.....

. ...

. Together Forever

. Com dedicação

.arquivos

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds